CLUBE DE ENGENHARIA DE PERNAMBUCO

Lembrete

Ao preencher a ART, registre sua intenção de favorecer o Clube de Engenharia de Pernambuco

"Presidente: resista a pressão dos egoístas"

Senhor Presidente Lula,

Os profissionais de todas as engenharias representadas pelo Clube de Engenharia de Pernambuco - segunda entidade mais antiga do País e, por isto, testemunha e incentivadora da criação do sistema CREA-Confea, fundadora da Federação Brasileira das Associações de Engenheiros (FEBRAE) e, junto com o Instituto de Engenharia, Instituto de Engenharia do Paraná, Sociedade Mineira de Engenheiros, Sociedade de Engenharia do Rio Grande do Sul e Clube de Engenharia do Pará, criadora da Congregação Nacional das Entidades Pioneiras da Engenharia - confiam em que Vossa Excelência não manchará os últimos dias de seu profícuo mandato com decisão que, para acolher interesses localizados, impede a instauração de regime de justiça na distribuição dos Royalties da exploração de petróleo nas camadas pré-sal.

Nunca é demais lembrar que, se de um lado, o termo 'Estado Produtor' é equivocado, pois não se refere a um local onde se produz alguma coisa, sendo mera referência à Unidade da Federação onde ocorre a exploração de petróleo (a tal 'produção de petróleo' não é atividade industrial e, sim extrativista), de outro, as camadas pré-sal situam-se em alto mar e a vários quilômetros de profundidade e, por isso, em conversa de gente séria e desinteressada em manipular a opinião pública, não há como se falar em 'Estado Produtor de Petróleo', especialmente no caso das jazidas localizadas nas camadas pré-sal.

Solicitamos, senhor presidente, que o senhor resista às pressões dos egoístas que querem manter privilégios indevidos e não prive o País (todo o País e, não apenas este ou aquele Estado e município) da chance de desfrutar benefícios decorrentes da exploração do petróleo. 

Solicitamos, senhor presidente, que o senhor não macule o final de seu mandato com gesto autoritário e que evoca o período mais negro da história do País, quando o interesse da maioria era subjugado pela vontade de minorias abastadas e julgamos proscrito, para fazer a festa dos ricos.

Solicitamos, senhor presidente, que o senhor não desmoralize o Congresso Nacional como ocorria no período mais negro da história do País e contrarie o desejo da maioria da sociedade brasileira apenas para manter vantagens injustas.

Solicitamos, senhor presidente, que o senhor não use o poder que o Povo lhe deu para impedir uma mudança que atende aos anseios de todos os brasileiros.  

Solicitamos, senhor presidente, que o senhor não quebre a imagem de homem bom e justo construída ao longo de toda a sua vida.

A história sua e do Brasil não merecem isto.

                                                                                    

                                                                                                       Recife, 08 de dezembro de 2010.  

 

                                                             Alexandre Santos - presidente do Clube de Engenharia de Pernambuco.